DILMA PERDE MAIS POPULARIDADE. EDUARDO CAMPOS JÁ TEM 7,4%

eduardo campos

Saiu nesta terça-feira (16) mais uma pesquisa de avaliação da popularidade de Dilma Rousseff realizada pelo Instituto MDA por encomenda da CNT (Confederação Nacional do Transporte).

De acordo com a pesquisa, se as eleição para presidente da República fosse hoje a presidente Dilma Rousseff teria 33,4% dos votos, ante 20,7% de Marina Silva (Rede Sustentabilidade), 15,2% do senador Aécio Neves (PSDB) e 7,4% do governador Eduardo Campos (PSB).

A queda de Dilma em relação à pesquisa anterior é de 19,4 pontos percentuais e a disputa iria para o segundo turno entre ela e Marina.

Na pesquisa anterior, divulgada no último mês de junho, Dilma venceria a eleição no primeiro turno.

Ele tinha naquela ocasião – antes dos movimentos de rua – 52,8% das intenções de voto, ante 17% de Aécio Neves, 12,5% de Marina e 3,7% de Eduardo Campos.

O desempenho pessoal da presidente foi avaliado positivamente por 49,3% dos entrevistados. Na pesquisa anterior, ela tinha 73,7%.

Do total de entrevistados, 31,3% aprovam a gestão da presidente e 47,3% desaprovam. Em junho, o percentual que reprovava o governo era de apenas 20,4%.

Foram ouvidas 2.002 pessoas em 134 municípios de 20 Estados, das cinco regiões, entre os dias 7 e 10 de julho de 2013. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais, para mais ou para menos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.