Aliado de Eduardo, governador da PB se afasta de Dilma

 
 Na presença dos ministros Ideli Salvati, Relações Institucionais, e Agnaldo Ribeiro, das Cidades, o governador da Paraíba, Ricardo Coutinho, pediu ao cerimonial do encontro estadual de prefeitos do Estado, organizado pelo governo federal, para antecipar seu pronunciamento na solenidade alegando que tinha outros compromissos na manhã desta sexta-feira e precisava viajar. Na verdade, Coutinho, que é do PSB e defende publicamente a candidatura do presidenciável do partido, Eduardo Campos, não quis participar da distribuição de tratores e máquinas de pavimentação entregues aos prefeitos do interior, um dos programas da gestão Dilma Rousseff, adversária de Campos nas eleições do próximo ano.(ÉPOCA – Leonel Rocha)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.